Sociedade

DICAS DA VOVÓ: Gingar com marido que não te pertence é falta de respeito

‒ Vovó Lina Cossa, 61 anos

A infidelidade e assunto que da muito pano para manga. Quando existe o incumprimento de um compromisso assumido por duas pessoas unidas afectivamente, corações ficam destrocados; vidas malparadas e olhem la…

Também não e novidade para ninguém que quem se encontra do lado de la, contribuindo para a infelicidade da outra, vezes háque age como uma verdadeira“sarangane”, de modo a ferir a“rival”: faz chacota, zomba…, provavelmente com a intenção de contribuir ainda mais para a ruptura daquela relação onde fez questão de se atrelar. Se háquem vêeste comportamento como banal, saiba que a vovóLina Cossa, residente em Magude, em conversa com o jornal domingo, reprova-o com todas as suas forcas. Primeiro: “o homemnão é seu, então, pare de o seguire exigir dele coisas que você sabeque não poderá cumprir, por serum homem casado”; segundo: “Nãoalicie o marido da outra, pois com oandar do tempo cria-se um vínculoque traz sofrimento para você,para esse homem e para a mulhertraída. Não o torture com as suasexigências”; terceiro: “gingar commarido da outra é muita falta derespeito. Não basta o sofrimento quevocê causa a outra família, ainda seexibe na rua, na praia, no carro domarido da outra?”, questionou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo