Nacional

Há cada vez mais homens a queixarem-se de violência

Dispara, exponencialmente, o número de homens que se queixam nos lares. Segundo depoimentos que publicamos à parte, o motivo aponta para o desgaste psicológico induzido pela falta de respeito no seio familiar, destacando-se as mulheres como protagonistas de actos de violência doméstica.

Com efeito, durante o primeiro trimestre do ano em curso, 1.150 homens denunciaram casos de violência em todo o país, contra 885 em igual período do ano de 2018, um aumento de 271 casos registados.

Luís Malando, subinspector da Polícia da República de Moçambique e responsável pelo Gabinete Central de Atendimento das Vítimas de Violência Doméstica, sublinha que dos 7.777 casos denunciados durante o primeiro trimestre do ano em curso em todo o país, 2.180 casos foram de violência física simples, seguida de violência psicológica com 709 casos. A violência patrimonial ocupa a terceira posição com 431 casos, e por o último a violência física grave, com 263 casos.

Referiu que a maior parte das vítimas de sexo masculino tem denunciado, timidamente, episódios de violência psicológica e física.

Leia mais…

Texto de Luísa Jorge
luísa.jorge@snoticicas.co.mz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo