Editorial

Tudo depende de nós

Está lançado o desafio: a meta é reduzir a taxa de desemprego, em Moçambique, para uma média de 10 por cento até 2035, contra os actuais 17 por cento.

Naquilo que constitui a concretização do seu manifesto eleitoral que posteriormente foi transformado em plano quinquenal, o Chefe de Estado lançou quinta-feira, na cidade de Maputo, o programa “Emprega” que pretende providenciar a solução de alguns desafios que se colocam através do aumento da oferta de emprego assalariado e formação de mulheres e jovens para a sua participação no sector formal.

Abrangendo 55 distritos seleccionados em todas as províncias do país, a iniciativa representa um investimento de 27,5 milhões de dólares norte- -americanos para os próximos cinco anos, financiados pelo Banco Mundial. Insere-se no âmbito da Política de Emprego, operacionalizada pelo plano de acção 2021-2024, ao abrigo do qual o Governo chama a si a responsabilidade de trazer programas e projectos concretos que concorram para a geração de emprego e, consequentemente, novas fontes de renda.

Tal como foi anunciado no acto do lançamento, o programa a ser implementado pela Secretaria da Juventude e Emprego (SEJ) vai financiar planos de negócio que serão concebidos para compensar as deficiências que limitam a criação e crescimento de empresas de jovens.  Leia mais…

Foto de de Inácio Pereira

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo