Editorial

Consolidar as conquistas!

O que até há poucos meses parecia miragem está a materializar-se. A ânsia por dias melhores é mais do que justificada. Falamos de Cabo Delgado. O pedaço de Moçambique que a todos nós diz respeito e que desde finais de 2017 vinha conhecendo acções de puro terrorismo armado protagonizadas por gente sem escrúpulos, parte da qual nasceu naquela mesma terra porque instrumentalizada, emparelhada com cidadãos de outras nacionalidades, onde pontificam tanzanianos e ugandeses.

Corolário nefasto da acção dos terroristas, a cidade de Pemba, sobretudo, até há sensivelmente dois meses não tinha mãos a medir para dar guarida à população fugida das zonas de conflito que chegava, sobretudo, por via marítima. Em toda a província o número de deslocados situava-se em 732 mil, dos quais 46 por cento crianças, com um registo de 2 mil mortos.

Governo Central, autoridades locais, organizações de assistência humanitária nacionais e estrangeiras não pouparam esforços para oferecer as melhores condições possíveis perante tanta precariedade. Leia mais…

Foto de de Carlos Uqueio

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo