Mulher

DICA DA VOVÓ: Mulheres devem aprender a disfarçar zanga

– Vovó Elisa Sitoe, em conversa com o jornal domingo

Há quem defende que ser transparente pode até não ser falar o que se pensa, mas mostrar por atitudes o que não cai bem. Contudo, existem manifestações que abrem espaço para questionamentos, quando se trata de demonstrar a frustração, a ira através de olhares atravessados; boca levantada e de outras formas mais. Uma das pessoas que não se simpatiza com este comportamento é a vovó Elisa Sitoe, residente em Maputo, que, em conversa com o jornal domingo, afirmou que existe um perigo que se corre, quando a mulher se comporta deste modo perante a família do marido. Para a vovó, é “pesado ser reconhecida na família como a tal que não disfarça quando está zangada”, pior, “com o marido”. Conforme disse, “não é boa ideia levar os problemas do quarto e espalhar por outros lugares; demonstrar até em cerimónias familiares, onde está cheio de pessoas”. Ora, se alguém se vangloria de não esconder o que lhe vai na alma, a vovó Elisa mandou um recado pelo domingo, nos seguintes termos: “Enquanto você mostra a todo mundo que não está bem com o seu marido, tem fofoqueiras, algumas das quais suas cunhadas que não têm bom relacionamento consigo, que vão espalhar a informação até chegar às saranganes (traidoras), que te querem arrancar o marido. Pensa bem”, advertiu. Leia mais…

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo