DestaqueInternacional

PARA PAÍSES EM DESENVOLVIMENTO: Mundo multipolar é mais vantajoso

– Prof. Doutor Paulo Wache, numa palestra alusiva aos 41 anos do jornal domingo

A transição da era monopolar, caracterizada pela hegemonia Ocidental no cenário político e económico internacional, para uma fase de poder multipolar, ditada pela ascensão de novas potências, cria um equilíbrio de poder no mundo, aumentando as alternativas de aliança para o crescimento económico dos países em desenvolvimento.

Assim, a dependência dos estados pobres em relação ao Ocidente fica reduzida, porque a diversidade de potências emergentes – Rússia, China, Índia, Brasil e outros – proporciona mais oportunidade de escolha de parceiros pelos países em desenvolvimento para a exploração dos seus recursos naturais.

Esta visão foi partilhada pelo Prof. Doutor Paulo Wache, durante a palestra organizada pelo jornal domingo, subordinada ao tema “Guerra russo-ucraniana: Crise da ordem multipolar?”, enquadrada no âmbito da celebração do seu 41.º aniversário de existência e publicação ininterrupta.

Segundo Wache, mesmo a nível político, alguns países africanos começam a repensar o modelo democrático Ocidental, por exemplo, Uganda, Ruanda e Egipto, aumentaram o tempo de duração do mandato dos presidentes, o que significa que estão a confrontar uma ordem que tinha sido estabelecida. Leia mais…

TEXTO DE EDUARDO CHANGULE

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo