Em Foco

Cavaco Silva expressa “profunda consternação” com efeitos das cheias

 

O presidente português, Cavaco Silva, manifestou, sexta-feira última, as suas condolências pelos “trágicos efeitos” das cheias em Moçambique, numa nota envida ao seu homólogo moçambicano,

 Armando Guebuza, revelou a Imprensa portuguesa.

“Com profunda consternação, tenho acompanhado os trágicos efeitos das cheias em Moçambique, que têm despertado a maior atenção nacional. Quero, por isso, transmitir a Vossa Excelência e ao povo irmão de Moçambique, em nome do povo português e no meu próprio, os sentimentos do nosso profundo pesar e a expressão da nossa muito sentida solidariedade, na certeza de que Moçambique saberá, uma vez mais, ultrapassar esta adversidade”, lê-se na nota, também publicada no site da Presidência da República portuguesa.

Cavaco Silva assegura, ainda, o “empenho de Portugal em contribuir para atenuar o sofrimento das populações afectadas”, sublinhando que “nos próximos dias” parte a primeira missão de ajuda humanitária para Moçambique.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo