Artes & Letras

Liga de Xadrez nasce na Matola

O 41º aniversário da Cidade da Matola vai assinalar o parto da primeira Liga de Xadrez de seniores e juniores, em ambos sexos, numa iniciativa da Academia de Xadrez 

da Matola.

A prova visa conferir competição aos xadrezistas, numa altura que a modalidade regista um défice de jogos no país, no geral, e na província do Maputo, em particular.

Domingos Langa, director da Academia de Xadrez da Matola, disse que depois de dirigir a formação de muitos jogadores, através da Escola de Xadrez da Matola, constatou haver falta de torneios para a rodagem dos xadrezistas.

– Temos muitos jogadores que reclamam competição, daí a nossa decisão de introduzir esta liga, na qual, criamos condições para que os xadrezistas representem as empresas da Matola e não só, explicou.

A maioria dos jogadores participantes será seleccionada do grupo dos xadrezistas formados no âmbito do programa implementado nas escolas primárias da província do Maputo.

Domingos Langa disse que o vencedor da Liga de Xadrez vai receber um prémio de 100 mil meticais, enquanto o segundo e terceiro classificados terão respectivamente 50 e 25 mil meticais.

A fonte justificou que o prémio é “aliciante”, daí esperar-se muita competição durante os cinco meses de duração do torneio.

“Garantimos não parar por aqui, estamos a conversar com as empresas para nos dias de respectivos aniversários realizarmos torneios de celebração. Tudo isto porque não queremos continuar a ter xadrezistas com muita vontade de jogar sem oportunidades para tal”, referiu. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo