Artes & Letras

Arquitecta moçambicana distinguida com o Green Good Design Award

A arquitecta Moçambicana nascida na Beira, Maria Paula Lacerda, foi distinguida com o prémio Green Good Design Award na categoria de Arquitectura, pelo seu projecto, desenvolvido como 

protótipo de franchising, para as Clínicas Drenagem Linfática Manual Dr. Vodder, cujo centro piloto se localiza em Telheiras, Lisboa, Portugal.

Este reconhecimento atribuído em conjunto pelo Chicago-Athenaeum – Museum of Architecture and Design e o Centre for Architecture Art Design and Urban Studies, visa identificar e distinguir os projectos de referência mundial ao nível do design sustentável e sensibilização ambiental nas áreas da Arquitectura, Arquitectura Paisagista, Urbanismo e Design, representando algumas das mais importantes empresas destacadas pela FORTUNE 500. 

Já em 2006, o projecto ‘Wolfgang Puck Express’, desenvolvido para o aeroporto internacional de Minneapolis/St. Paul, também da autoria de Maria Paula Lacerda, foi nomeado para o prémio STAR Award for Excellence in Design, nos EUA.

Estabelecida em Moçambique com a sua empresa de Projectos e Consultoria Lacerda Arquitectos, a arquitecta Maria Paula Lacerda tem desenvolvido a sua carreira profissional entre a Europa e os Estados Unidos da América, tendo elaborado projectos das mais variadas escalas e tipologias, desde a moradia unifamiliar ao planeamento urbano, onde a unidade de medida central no desenvolvimento de cada conceito, é a alma humana que o vai habitar.

“A Arquitectura deve unir a pessoa e o lugar numa relação sensorial que nos permita sentir e apreciar o maravilhoso mundo em que (con)vivemos com a Natureza”disse Maria Paula Lacerda

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo