Sociedade

O meu objectivo é matar a fome

Em Etatara, 60 quilómetros da sede do distrito de Cuamba, encontrámos Tiago Pedro Jemusse, também beneficiário do FDD. É um dos agricultores de referência de Cuamba, devido às extensas 

áreas e à diversidade das culturas que pratica. Explora as áreas baixas do rio Lúrio. Já na parte alta da nascente daquele opulento rio, cria, igualmente, gado bovino, caprino e galináceos.

Desde sempre, Tiago praticou agricultura de subsistência, usando a enxada de cabo curto e, a partir da oportunidade criada pelo Governo, quis alargar os seus negócios.

Com o apoio de pessoas, Tiago Jemusse desenhou o seu projecto, que, numa primeira fase, consistia em adquirir uma viatura para permitir o escoamento dos seus produtos do campo para as zonas onde pudessem ser comprados rapidamente. O valor solicitado, segundo nos confidenciou, era de 400 mil meticais.

Porém, algumas pessoas sugeriram a Tiago a trocar de prioridades, optando por comprar um tractor no lugar de camioneta.

Tiago reconheceu que “tudo o que tenho devo à boa vontade do Governo, que financiou os meus projectos. Primeiro, o de criação de animais e, mais tarde, o da aquisição de um tractor agrícola”. Adiante apelou aos seus colegas mutuários para devolverem o dinheiro que lhes foi concedido, de modo a que o mesmo seja colocado à disposição de outros cidadãos.

 Tiago revelou ainda que tem a pretensão de, depois de reembolsar todo o dinheiro, construir uma casa convencional que dignifique o seu estatuto de agricultor de referência no distrito de Cuamba, para além de proporcionar uma boa educação aos seus filhos, que os quer ver estudar até ao nível superior. “No futuro, quero que os meus filhos possam, através da ciência, produzir mais e melhor, usando as novas tecnologias de produção agrícola”, afirmou.   

Quanto ao reembolso, Tiago disse estar a fazê-lo gradualmente, em simultâneo com o pagamento de outras despesas, nomeadamente, de trabalhadores, do aluguer de transporte, entre outros encargos. “Dentro dos prazos acordados, vou liquidar a minha dívida para com o Estado”, prometeu, a terminar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo