DestaqueSociedade

DICAS DA VOVÓ: Anda de sapato torto mas gosta de amantizar

– vovó Josefina Magaia, residente em Maputo em conversa com o domingo

Há um pensamento que dá conta de que “gente sem juízo aguarda o juízo, e gente com juízo vive em juízo”. Ora, ocorre que quem bem calcula os passos que dá raramente desagua numa alhada. A verdade é que a vovó Josefina Magaia, em conversa com o jornal domingo, expõe os deslizes de quem num total descontrolo dos seus passos arrisca-se a carregar um fardo que vai muito além da sua capacidade.

Fala daqueles homens que “mal aguentam as despesas da sua casa, mas gostam de adicionar amantes na sua vida”. Segundo observa, “não têm medo de doenças da carne e nem dos maus ares. Carregam ‘xipocos’ de cada mulher com quem se metem e deixam a vida mais pesada ainda”.

Para piorar a situação, “nem sequer procuram a igreja para descarregar esses maus ares”. Em forma de remate acusa-os de não terem “vergonha na cara”, pois “alguns andam de sapato torto, mas gostam de amantizar”.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo