DestaqueReportagem

Da simples dor de dente à migração de bactérias ao sangue

Somam-se dois anos que J. Armando convive com um problema na boca. O seu dente primeiro molar ficou desgastado por uma cárie. Com o passar do tempo, despedaçou-se. O agravamento do caso tornou a mastigação “um verdadeiro castigo”. A vida desta jovem mudou. Para pior. Mas, o medo de se dirigir a uma unidade sanitária, onde poderá beneficiar de tratamento, coloca-a numa curva mais perigosa ainda. E o contrário não deve ser considerado, pois especialistas em estomatologia alertam, nesta reportagem, que a vida de J. Armando pode estar em risco.

A condição que a acomete não se restringe a uma dor de dente. Pode ser a porta de entrada para problemas mais graves de saúde, pois “existe uma complexa associação entre as doenças orais e a saúde sistémica geral”, apontou Marla Correia, médica dentista de uma clínica privada localizada na capital do país. Ocorre que “a boca é a porta de entrada dos microorganismos.

Então, para que se tenha saúde plena, saúde geral, é importante que a boca esteja em bom estado”, disse Angélica Machiana, higienista oral, afecta no Ministério da Saúde (MISAU).Leia mais…

TEXTO DE CAROL BANZE

carol.banze@snoticicas.co.mz

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo