Política

Nomeados governadores provinciais

O Presidente da República, Filipe Nyusi, no uso das competências que lhe são conferidas pela alínea b) do número 2 do artigo 160 da Constituição da República, nomeou ontem, através de despachos presidenciais separados, onze novos governadores provinciais.

Arlindo Chilundo, nomeado para o cargo de governador da província do Niassa. Até à data da sua nomeação Chilundo exercia funções de vice-ministro da Educação.

Celmira Silva, indicada governadora de Cabo Delgado, antiga funcionária do Ministério da Juventude e Desportos.

Victor Borges, nomeado governador de Nampula, depois de ter cessado as funções de ministro das Pescas.

Abdul Razak Noormahomed, novo governador da Zambézia, indicado depois de exercer as mesmas funções em Cabo Delgado

Paulo Auade mantém-se como governador de Tete, após ter exercido estas funções no Executivo de Armando Guebuza.

Alberto Mondlane, governador de Manica, que foi ministro do Interior no anterior Executivo. 

Maria Helena Taipo, que deixou o pelouro do Trabalho, vai exercer o cargo de governadora da província de Sofala.

Agostinho Trinta, que renova o mandato como de governador de Inhambane

Stella da Graça Pinto Novo Zeca, nomeada governadora de Gaza. Antes foi directora-adjunta pedagógica na Universidade Pedagógica – Delegação de Quelimane.

Raimundo Diomba deixa a província de Gaza e passa a desempenhar as mesmas funções na província de Maputo.

Iolanda Cintura, antiga ministra da Mulher e Acção Social, passa a governadora da cidade de Maputo.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo