Opinião

Boa notícia

O Acordo de Maputo, rubricado entre o Presidente da República, Filipe Nyusi, e o líder da Renamo, Ossufo Momade, em 2019, para a Desmobilização, Desarmamento e Reintegração dos ex-guerrilheiros da Renamo tem pés de betão.

Semana finda, mais quatrocentos e quarenta e quatro ex-guerrilheiros da Renamo, que se encontravam na base de Mocone, no distrito de Montepuez, província de Cabo Delgado, passaram à vida civil.

São notícias como estas, por sinal boas, que os moçambicanos aguardam no dealbar de cada dia, pois a paz, tranquilidade e segurança públicas são condição “sine qua non” para o progresso de um estado que se preze como tal. Leia mais…

TEXTO DE ANDRÉ MATOLA

andre.matola@snoticias.co.mz

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo