DestaqueNacional

Vinte condenados beneficiam de liberdade condicional

Vinte condenados beneficiaram, esta quarta-feira, de liberdade condicional, no Estabelecimento Penitenciário Provincial de Maputo, no âmbito do trabalho de seleção dos internos que cumpriram a metade da pena.

A medida está inserida nas estratégias do Serviço Nacional Penitenciário, cujo objectivo é descongestionar as celas, com destaque para os estabelecimentos onde o número da população prisional está muito acima das suas capacidades.

Para o efeito, foram montados, no presente ano, dois cartórios, sendo um da Procuradoria Geral da República e outro de uma secção do Tribunal Judicial para analisar os processos de cada interno, que são fornecidos pela direcção do Estabelecimento.

Segundo o director do Estabelecimento Penitenciário Provincial de Maputo, Luís Sabão, neste momento, existem mais de 600 internos que cumpriram mais de metade da sua pena, entre nacionais e estrangeiros.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo