Nacional

Tailandeses querem investir em Moçambique

Uma delegação da Tailândia, composta por 10 empresários encontra-se em Maputo, em busca de oportunidades de negócios e ainda para expor os seus produtos no mercado moçambicano.

O grupo, constituído por empresários de diferentes sectores, nomeadamente, sectores de agro-indústria de processamento castanha de caju, montagem e distribuição de carrinhas de 900 quilogramas, montagem e distribuição de motociclos, piscicultura, gestão aeroportuária e operação de infra-estrutura de ferro portuária, reuniu-se, na última terça-feira em Maputo, com representantes do sector privado nacional com o objectivo de estabelecer parcerias económicas e trocar experiências sobre os diferentes ramos de negócios e identificar oportunidades.

Durante o encontro, o vice-presidente da CTA, Prakash Prehlad, encorajou as intenções dos tailandeses em investir em Moçambique e, para o efeito, sustentou que o nosso País goza de um bom ambiente para fazer negócios e tem uma localização privilegiada e estratégica.
A África e Moçambique, em particular, são os destinos apetecíveis de investimento. Quero acreditar que os contactos empresariais que sairão deste encontro permitirão consolidar essa nova dinâmica que todos desejamos para o bom relacionamento entre Moçambique e Tailândia, comentou Prehlad.
Enquanto isso, o ministro dos Transportes e Comunicação de Moçambique, Paulo Zucula, sublinhou que a vinda da delegação tailandesa resulta de contactos estabelecidos entre os governos dos dois países, há sensivelmente três meses, sobre uma possível cooperação, quer ao nível do governo, quer a nível empresarial.
Os primeiros contactos estabeleceram-se em Outubro, com a visita a Moçambique, de Nalinee Taveesin, representante desta delegação. Passados três meses, temos já aqui dez empresários tailandeses ansiosos em investir em Moçambique, frisou.
Por seu turno, Nalinee Taveesin, a representante da delegação tailandesa, afirmou que o grupo de empresários que vem consigo, é constituído por selecção de homens de negócio de vários sectores de extrema importância na Tailandia.

A nossa delegação é composta por membros seniores de empresas diversos ramos como a agro-indústria, montagem e distribuição de motociclos, piscicultura, gestão aeroportuária, operação de infra-estrutura de ferro portuária, entre outros, finalizou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo