DestaqueNacional

Segue o advogado da ré Ângela Leão

Damião Cumbana, advogado da ré Ângela Leão, iniciou a apresentação  das suas alegações finais afirmando que a representante do Ministério Público, Ana Sheila Marrengula, inimiga de ocasião da bancada dos Advogados de defesa.
“Tivemos motivos para nos posicionarmos como inimigos de ocasião, mas isso foi no âmbito do processo” , disse.
Acrescentou que o processo nasceu inquinado porque o Ministério Público “vendeu” a narrativa de que estes réus  roubaram 2.2 biliões de dólares e isso levou a um julgamento popular.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo