Nacional

Restos mortais de Vaugh vão a enterrar no Texlom

Os restos mortais do cidadão norte-americano, Douglas Elvik Vaugh, que perdeu a vida depois de ter sido atingido por três golpes de enxada, supostamente pela própria esposa, no Posto Administrativo da Matola Rio, deverão ser enterrados no Cemitério da Texlom, no município da Matola, na ausência dos seus familiares.

A Igreja Comunhão na Colheita, Ministério Arco-Íris, a qual Elvik Vaugh era missionário, garantiu que entrou em contacto com a irmã e a filha da vítima para saber dos procedimentos que deveriam ser seguidos. Elas teriam autorizado a realização da cerimónia fúnebre no território nacional, na sua ausência.

A viúva, Emília Machava, encontra-se detida nas celas da Polícia na Matola e o processo está a seguir os seus trâmites na Secção de Instrução Criminal (SIC), de onde se espera que seja encaminhado à Procuradoria provincial.

O assassinato de Douglas, que agitou os residentes do bairro da Matola-Rio e crentes da congregação, foi motivado pela disputa da residência onde o casal vivia há mais de um ano, porque a esposa reclamava a propriedade do imóvel, alegando que ajudou o parceiro a construir.

Segundo a viúva, a controvérsia vinha-se alastrando há alguns meses, depois de esta ter questionado o marido sobre os rendimentos mensais de pouco mais de 40 mil meticais que ele auferia.

Na noite do crime, o casal entrou em discussão como já era hábito, desta feita o objectivo de Douglas era obrigar mais uma vez a mulher a abandonar a sua casa. Dadas as dificuldades de comunicação entre eles, o diálogo era feito com recurso ao tradutor do computador que o casal tinha na sua residência.

A discussão durou aproximadamente trinta minutos, até que a vítima teria decidido sair do quarto em busca de uma enxada. A viúva, que alegadamente se sentiu intimidada, terá levado o instrumento e aplicado golpes na cabeça do malogrado que caiu imobilizado no quarto.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo