Nacional

Renamo exige explicações ao Jorge Khalau

O Porta-voz do Gabinete Presidencial da Renamo, António Muchanga exigiu na manha desta sexta-feira, explicações ao Comandante Geral da Polícia Jorge Khalau, na sequência dos seus pronunciamentos, acusando os guardas da Renamo de estarem a vender armas aos malfeitores.

"Este é um pronunciamento infeliz e mais grave ainda se torna, quando é feito por uma figura da dimensão institucional com a categoria e cargo de Comandante Geral da Policia, homem ao que se esperava devia ser no mínimo coerente com a realidade do país", considerou Muchanga.
António Muchanga disse ainda que o Comandante Geral da Polícia ao afirmar que os guardas da Renamo vendem armas tem fábrica de armamento no país.
"Os seguranças da Renamo são homens de grande carácter, respeito e disciplina não podemos deixar que alguém os difame para justificar o seu fracasso nas Forcas de Defesa e Segurança", acrescentou António Muchanga.
Num outro desenvolvimento, o mesmo referiu que o actual candidato da Frelimo, Filipe Nyusse que no último trimestre do ano passado, participou como Ministro da Defesa, na planificação e implementação dos planos que resultaram na situação de confrontos que o país enfrenta esteve de visita na base de Sathungira.
"Nyusse esteve em Santungira para saudar os assaltantes da casa do Presidente Afonso Dhlakama tendo recebido a parte dos bens ai assaltados", acusou Muchanga

Idnórcio Muchanga/domingo

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo