DestaqueNacional

Quadrilha subordinada a Gregório Leão

O Ministério Público considerou que uma autêntica quadrilha perdurou desde 2011 a 2013. integrando Jean Boustany, Gregório Leão (líder), Bruno Langa, Teófilo Nhangumele e Ndambi Guebuza.

Considera o Ministério Público que os co-réus agiram como quadrilha de malfeitores ao terem engendrado mecanismos para beneficiarem ilicitamente de dinheiro proveniente da Prinvinvest.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo