Nacional

OAM garante acompanhar investigação do assassinato de Cistac

A Ordem dos Advogados de Moçambique (OAM) garantiu, ontem, em Maputo, que vai acompanhar de perto toda a investigação do assassinato do constitucionalista Gilles Cistac e apelou às autoridades para que “tomem todas as medidas necessárias para identificar os autores”.

A OAM manifestou-se “revoltada e indignada” com o homicídio do constitucionalista Cistac, exigindo a responsabilização dos praticantes do crime.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo