DestaqueNacional

Namburete, Inês e Elias Moiane receberam dinheiro

O Ministério Público afirmou estar provado que os co-réus Sérgio Namburete, Inês Moiane e Elias Moiane receberam dinheiro do grupo Prinvinvest, num total de 877 mil euros,  sem despertar a atenção do sistema financeiro nacional.

Considera ainda estar provado o cometimento dos crimes de associação para delinquir e de lavagem de dinheiro ao transformarem o dinheiro ilícito em activos imobiliários.

Para Inês Moiane pesam ainda os crimes de peculato e tráfico de influência.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo