Nacional

Gaza melhora diagnóstico de HIV em recém-nascidos

Mais crianças recém-nascidas de mães seropositivas passam a beneficiar de testagem precoce de HIV no distrito de Limpopo, em Gaza, com recurso a novo equipamento alocado às unidades sanitárias daquele distrito.

Este dado foi tornado público aquando do lançamento do Programa Diagnóstico Precoce de HIV em crianças recém-nascidas, uma iniciativa da Direcção Provincial de Saúde de Gaza em parceria com a organização não-governamental Elizabeth Glaser Pediatric AIDS Fundation (EGPAF).

De acordo com a Directora Provincial da Saúde de Gaza, Mulássua Simango, estas três máquinas foram alocadas a três unidades sanitárias do distrito de Limpopo, nomeadamente o Centro de Saúde de Chissano, de Julius Nyerere, e o Hospital Rural de Chicumbana.

Mulássua Simango sublinhou ainda que o equipamento faz parte de um lote de 17 máquinas oferecidas pela EGPAF à província no âmbito da luta pela redução do índice de novas infecções em HIV naquela parcela do país. De referir que neste contexto foram capacitadas na província 77 enfermeiras de Saúde materno-infantil.

Falando para o nosso jornal, Amade Sucá, director nacional da EGPAF, referiu que a testagem com este novo equipamento permitirá o diagnóstico em pouco tempo. “Este equipamento detecta a presença do vírus no sangue. Esta testagem permite tirar o sangue e ter o resultado em apenas 52 minutos, enquanto na testagem convencional, o sangue era colhido, levado ao laboratório e só depois de cerca de 2 meses tínhamos o resultado”, argumentou.

Discursando na cerimónia do lançamento do Programa, a Governadora de Gaza, Stela Pinto Zeca, referiu que este passo constitui um grande avanço no combate ao HIV-SIDA naquela província. “Infelizmente temos crianças que estão infectadas com o vírus do VIH. Contudo, a realidade não se equipara ao que acontecia antigamente em que uma mãe seropositiva estava condenada a dar à luz um filho positivo. Hoje temos condições para evitar que um filho nasça com o HIV”, afirmou, tendo acrescentado que o Governo fará tudo o que está ao seu alcance para facilitar o trabalho desenvolvido pelos parceiros para que mais moçambicanos gozem de boa saúde.

Texto de Luísa Jorge
luísa.jorge@snoticias.co.mz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo