DestaqueNacional

Foi difícil localizar locais para instalar radares

Arlindo Ngale explicou ao tribunal que um dos constrangimentos verificados foi a falta locais previamente identificados para a instalação dos radares.

Acrescentou que parte dos radares deveria ser alimentada por via de geradores eléctricos é outra energia da rede pública. “A maior parte dos radares carecia da edificação de sites para se ligar à corrente eléctrica e esses sites não estavam construídos ou estavam mal feitos”.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo