Nacional

Candidato da Renamo apela não a violência

O candidato às eleições presidenciais pelo partido Renamo, Afonso Dhlakama, exerceu o seu dever e direito cívico hoje na cidade de Maputo, na mesa de votação 11001802, na Escola Secundária da Polana, quando eram 7:40 minutos, tendo apelado a não-violência dos eleitores nas filas durante o processo de votação.

O líder da Renamo, Afonso Dhlakama, que recenseou no distrito de Gorongosa, província de Sofala, votou em regime especial, em Maputo, estatuto concedido pela Comissão Nacional de Eleições (CNE).

Dhlakama apelou aos jovens a dirigirem-se às mesas de voto para decidirem a futura liderança deste país e órgãos eleitorais a conduzirem o processo de um modo transparente, para garantir maior credibilidade.

Idnórcio Muchanga

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo