DestaqueNacional

António Carlos do Rosário era dono da Txopela

“Toda a documentação da constituição das empresas esteve na minha posse porque fui eu que constituí estas empresas” , reiterou o declarante Imran Issa.

Na mesma senda, disse que a empresa Txopela era detida em 98 por António Carlos do Rosário e os restantes dois por cento estavam em poder de Nordine Aboobacar e de Tayob Cadango.

Entretanto, afirma que a um dado momento, António do Rosário recolheu todos os documentos e disse que o fazia porque se tratava de informação de carácter confidencial.

“Eu é que constitui as empresas Txopela, Alaba, Pantera e outras empresas que o réu Rosário solicitou e que farei menção mais adiante” , disse.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo