Nacional

100 polícias expulsos

Cerca de 100 agentes da Polícia da República de Moçambique (PRM) foram expulsos da corporação este ano por alegado envolvimento em actos ilícitos, anunciou o Vice-ministro do Interior, José Coimbra.

Coimbra falava ontem, quarta-feira, em Maputo, durante a inauguração da exposição comemorativa dos quarenta anos da PRM. O dirigente disse que, para além das expulsões, no mesmo período, foram instaurados vários outros processos disciplinares contra alguns agentes, suspeitos de envolvimento em actos de corrupção e várias outras irregularidades.

Lamentamos o facto de existirem comunidades convivendo com polícias que cometem irregularidades, mas que não as denunciam às entidades competentes”, afirmou o Vice-ministro do Interior, lembrando que “este tipo de acções atenta contra a boa imagem da corporação”.

José dos Santos Coimbra anunciou também que está em curso um processo de requalificação de quadros da Polícia de Investigação Criminal (PIC) e o Ministério do Interior espera novas propostas para o processo de transformação da PIC em polícia judiciária.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo