A ponte para Zalala

Não passam muitos dias depois de ficarmos incrédulos perante informações segundo as quais a ponte que liga Madal à praia de Zalala, arredores da cidade de Quelimane, estava a ruir aos bocados. As imagens não só eram arrepiantes como também deixavam quem uma vez atravessou a infra-estrutura de certo modo comovido.

A ponte representa um bem público que, como tantas outras do género pelo país, estabelece ligação a uma das regiões do litoral que reúne inquestionável condição para a prática do turismo de praia de que nos podemos orgulhar.

Em Zalala não só se congrega o turismo como também incide uma intensa actividade económica desenvolvida por muitas pessoas e tantas famílias ergueram as suas habitações. No fundo é um paradisíaco destino que igualmente acomoda estâncias turísticas que se transformam em centralidades sempre que são realizados movimentos como é o caso do destacado Festival de Zalala, promovido neste considerado “Pequeno Brasil”. Leia mais...

Por Benjamim Wilson

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)