Pai mata filho deficiente de nove anos

Um indivíduo de 35 anos de idade está detido desde quinta-feira passada no Comando Distrital da Massinga, província de Inhambane, indiciado de assassinar por asfixia, no passado dia 5 do mês em curso, o seu filho de nove anos, que sofria de deficiência múltipla.

O caso foi despoletado pelo avó do menor que, após o desaparecimento da criança, contactou a Polícia que encontrou o corpo do menor dois dias depois, próximo ao rio das Pedras, localizado no povoado com o mesmo nome.

Juma Daúdo, porta-voz da PRM em Inhambane, referiu que o indivíduo teria informado às autoridades que matou o filho que era cego, surdo e mudo, porque estava possuído por espíritos maus.

Daúdo disse que ainda decorrem trabalhos no sentido de averiguar as informações segundo as quais a actual esposa do indivíduo, madrasta do menor, teria participado no crime

Classifique este item
(0 votes)