Melhora segurança na lixeira de Hulene

O Conselho Municipal de Maputo levou a cabo obras de melhoramento das condições de operação na lixeira de Hulene, visando a estabilização dos íngremes taludes de lixo e evitar a ocorrência de novos deslizamentos. As obras, até agora realizadas, consumiram 102 milhões de Meticais disponibilizados pelo Ministério da Terra e Ambiente. Estima-se que para complementar o trabalho em todo o perímetro da lixeira são necessários perto de 200 milhões de Meticais.

Deste modo, o encerramento da lixeira ficou mais longe de acontecer, apesar de ter havido uma decisão judicial depois do desabamento de resíduos sólidos sobre várias residências do quarteirão 124, a 19 de Fevereiro de 2018, que resultou na morte de 16 pessoas.

Depois do trabalho de segurança levado a cabo, espera-se que a forma de depositar lixo obedeça a escadaria, separadas por gabiões que filtram as águas. O lixo fica agora coberto com uma manta de terra vermelha para evitar mau cheiro e impedir que os resíduos se desloquem pela força dos ventos. Leia mais...

Texto de Benjamim Wilson

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)