Print this page

Domingo de Páscoa atípico

Abril 03, 2021 1081

Pela segunda vez consecutiva os cristãos moçambicanos celebram a Páscoa ou Domingo da Ressurreição com as igrejas fechadas em cumprimento das medidas restritivas para a contenção da pandemia da covid-19.

As confissões religiosas vão usar as plataformas digitais (sobretudo a rádio e televisão) para os fiéis acompanharem as missas a partir das suas residências.

As celebrações acontecem numa altura em que, para além da covid-19, alguns distritos da província de Cabo Delgado estão afectados pelo terrorismo que já provocou cerca de 700 mil deslocados e mais de 2 mil mortos.

Para atenuar o sofrimento das pessoas, os fiéis irão rezar pelo fim da pandemia e das atrocidades cometidas pelos terroristas, ao mesmo tempo que reiteram o apelo à intensificação da solidariedade para com as vítimas.

O administrador apostólico da Diocese de Pemba, Dom António Juliasse, refere que tem acompanhado o desenrolar da situação em Cabo Delgado, buscando auxílio para os necessitados através das acções da Cáritas Diocesana e das paróquias, em parceria com outras organizações humanitárias. Leia mais...

Classifique este item
(0 votes)