Print this page

Malangatana exposto nos Estados Unidos da América

Agosto 01, 2020 345

Opintor, poeta e herói nacional Malangatana Valente Ngwenya (1936–2011) está exposto desde o dia 30 de Julho até 16 de Novembro no Art Institute of Chicago, no estado de Illions, nos Estados Unidos da América. Denominada “Malangatana: Moçambique moderno”, a mostra compreende 40 obras que traçam as diferentes etapas do artista, com destaque para o Malangatana prisioneiro político do regime colonial, as suas viagens à Europa, o inconformismo na luta pela libertação do país.

A exposição é a primeira pesquisa dos primeiros trabalhos de Malangatana desde a sua morte e a primeira mostra individual de um pintor africano moderno no Art Institute. A exposição destaca os anos de 1959 e 1975 como um período em que Malangatana embarcou em experiências formais ousadas e pintou o mundo em rápida mudança ao seu redor, convidando-nos a considerar o seu desenvolvimento como parte integrante do artista.

Malangatana é descrito como pioneiro da arte africana moderna que desenvolveu o seu estilo de pintura único no início da sua carreira, uma estética definida por uma densa montagem de figuras; representações fantasmagóricas de animais, seres humanos e criaturas sobrenaturais; e uma paleta de cores claras e escuras. O seu trabalho incorpora os novos vocabulários artísticos que surgiram em Moçambique em conjunto com a luta por uma nação libertada, da mesma forma que em outras partes do continente africano.

TRAÇOS DA EXPOSIÇÃO

As 40 obras expostas descrevem parte da vida do artista que após a sua morte foi considerado herói nacional devido ao seu papel, vital, durante a luta pela libertação do país. Leia mais...

TEXTO DE FREDERICO JAMISSE

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Classifique este item
(0 votes)