Editorial

Avanços nos teatros operacionais Centro e Norte

Está à vista o resultado do trabalho conjunto entre as Forças de Defesa e Segurança (FDS) de Moçambique, a tropa ruandesa e o destacamento militar da Comunidade de Desenvolvimento de Países da África Austral (SADC) no Teatro Operacional Norte.

Dois líderes do grupo terrorista foram abatidos nas duas últimas semanas em Cabo Delgado, o que pode ser visto como a materialização da afirmação que o Presidente da República, Filipe Jacinto Nyusi, fez há pouco tempo segundo a qual os terroristas iriam viver dias de desespero e agonia.

Um dos líderes abatido semana passada, de nome Mahamudo, foi responsável, conjuntamente com Abdulai, outro cabecilha dos terroristas eliminado nos finais de 2020, pelo assassinato nos finais de 2019 de 51 jovens na aldeia de Chitache, distrito de Muidumbe, Cabo Delgado, que se recusaram a juntar-se aos terroristas. Leia mais…

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo