DestaqueNacional

Técnicos da Saúde indiciados de venda de cartões de vacinação

Dois técnicos de Saúde, sendo uma jovem estagiária de enfermagem geral de 24 anos de idade e um técnico de medicina geral de 33 anos, com 11 de carreira, estão a contas com a Polícia de República de Moçambique (PRM) na cidade de Maputo indiciados de falsificação e venda de cartões de vacinação contra a covid-19.

Com dos indiciados foi apreendido material hospitalar diverso que se encontrava na sua viatura pessoal interpelada pela Polícia ao na Estrada Nacional número um (EN1) após uma denúncia.

Os indiciados assumem a acusação, no entanto, enquanto a Polícia fala de número não especificado de cartões, estes dizem tratar-se de dois.

Eu sou tutor de estudantes de enfermagem na unidade onde trabalho e minha colega estagiária veio pedir que lhe facultasse um cartão de vacinação, eu neguei mas ela vinha insistindo até que dei, tendo, posteriormente me enviado mil meticais”, disse o técnico do MISAU.

Por sua vez, a estudante assume que aliciada por alguns cidadãos para que lhes facilitasse o acesso aos cartões  e esta, por sua vez, insistiu com o pedido ao colega até que este cedeu. “Pagaram-me mil Meticais na promessa de me darem outro quando entregasse o segundo cartão”, acrescentou.

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo