DestaqueNacional

EM MOÇAMBIQUE: Algumas pessoas com HIV revelam casos de meningite

  • Instituto Nacional de Saúde (INS) sugere implementação do teste rápido de parasitas causadores desta doença

Pesquisadores do Instituto Nacional de Saúde (INS) desenvolveram um estudo em Moçambique que revela clara associação entre a acção do vírus da imunodeficiencia humana (vulgo HIV) e o surgimento de focos de meningite no país.

Denominado “Etiologia da meningite em pacientes adultos hospitalizados em três hospitais quaternários em Moçambique, 2016-2017. O impacto do HIV”, o estudo indica que das 1501 amostras testadas, 10,5 por cento (151/1501) foram positivas para meningite causada por fungos, denominados cryptococcus neoformans e 36,7 por cento por streptococcus pneumoniae.

Foram também identificadas outras bactérias causadoras das meningites, nomeadamente: neisseria meningitidis (8,9 por cento), escherichia coli (6,4 por cento), haemophilus influenzae (5,1 por cento) e s. aureus (4,4 por cento).

A frequência da meningite causada por cryptococcus neoformans é maior em pacientes infectados por HIV, especialmente aqueles com altos níveis de imunodepressão resultante baixo nível de CD4, as células de defesa afectadas pela acção do vírus. Em Moçambique é feita uma monitoria contínua dos casos de meningite e estes são registados numa base de dados do INS. Leia mais… 

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo