Desporto

Taça de Honra/Colgate arranca quinta-feira

A Taça de Honra/Colgate arranca próxima quinta-feira com a realização de dois desafios inseridos na segunda jornada da prova, nomeadamente Matchedje – Liga Muçulmana e Ferroviário –

 Maxaquene, no Estádio da Machava.

A Associação de Futebol da Cidade de Maputo (AFCM) alterou a ordem dos jogos para permitir uma melhor preparação dos representantes de Moçambique nas Afrotaças, nomeadamente Maxaquene e Liga Muçulmana.

Para além das quatro equipas mencionadas, o torneio contará com a participação do Costa do Sol, que realiza o seu primeiro jogo no domingo frente ao Maxaquene, referente a quarta jornada. No mesmo dia, a Liga Muçulmana enfrenta o Ferroviário.

A edição deste ano assinala o regresso do patrocinador Colgate, o que permite o acesso aos recintos dos jogos mediante a apresentação duma caixinha de pasta dentífrica da marca do patrocinador ou mediante o pagamento de 50 meticais pelo bilhete de ingresso.

Miguel Vaz, Vice-presidente da AFCM para a Alta Competição, explicou que a prova vai servir para preparar os representantes da capital do país no “Moçambola”, para que encarem a prova já com alguns jogos nas pernas.

Os prémios em disputa são os seguintes: Vencedor (75 mil); finalista (35 mil); equipa fairy-play (10 mil); guarda-redes menos batido (5 mil); melhor marcador (5mil); melhor jogador (5 mil); melhor equipa de arbitragem (5 mil) e melhor jornalista (5 mil).

Dado o carácter da prova, o regulamento permite a realização de um máximo de cinco substituições, devendo, nesse caso, duas acontecerem no intervalo do jogo. A prova será disputada no sistema de todos contra todos numa única volta.

 

 

 

Inspecção do Trabalho chega aos clubes

 A Inspecção Geral do Trabalho (IGT) está a levar a cabo uma campanha nacional desde o passado dia 11 de Fevereiro nos diferentes clubes desportivos, tendo em vista a verificação do cumprimento da legislação laboral no sector desportivo.

A acção surge em cumprimento da Lei do Trabalho, incidindo neste caso no controlo da legalidade laboral, especialmente nos clubes de todo o país, em que se destaca, à semelhança do que tem sido nas campanhas a outros sectores, os aspectos contratuais dos trabalhadores do sector.

Assim, estão a ser verificadas as condições salariais e de trabalho, contratos de trabalho, inscrição de trabalhadores no sistema de segurança social para efeitos de futuro, bem como as condições em torno da contratação de mão-de-obra estrangeira.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo