Bula Bula

O preço de ser bom é alto…

ACTO 1

Bula-bula está atónito. Um soco no estômago não faria tanta mossa. A estória é, no mínimo, bizarra, se considerarmos as boas prestações que a Selecção Nacional de Futebol, os “Mambas”, tem mostrado. O meu velho amigo diria sem hesitações: “é altura propícia para lhes dar uma colher de sopa”.

Ou se calhar deviam mesmo mudar de apelido e passarem a chamar-se “bunodontes”… de repente pode ser que alguém tome vergonha na cara e passe a tratá-los com mais decoro. É que é irritante esta coisa de sacrificar gente e depois ficar na bancada a palitar os dentes.

Então não é que os jogadores da Selecção Nacional decidiram fazer greve de fome… coisa que só encontra paralelo nos regimes ditactoriais onde os presos fazem este tipo de greve para verem reconhecidos os seus direitos… sendo que toda a gente sabe que saco vazio não fica em pé!

Os atletas – parece que por estas alturas já reconsideraram a sua posição de força – reclamavam justamente prémios de jogos, ajudas de custos, entre outras coisitas. Quer dizer que alguém fez promessas – e os atletas mataram-se para cumprir – e agora furta- -se aos seus deveres como aquele mercador daquele país…

Como se pode sonhar com grandes conquistas se nos detalhes somos infantis? Não pagar ajudas de custos a uma pessoa que viaja em missão de serviço é, no mínimo, castrante… sobretudo se considerarmos que os homens de fato e gravata que viajam com os atletas, regra geral, não passam pelos mesmos constrangimentos… vamos lá ser sérios! Leia mais…

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo