Bula Bula

Deixem os mortos em paz!

As coisas vão de mal a pior na pátria dos heróis. Andam à solta homens de má candura que estão a deixar Bula-bula literalmente com os cabelos em pé. É tanta coisa sórdida que dá medo só de pensar que há gente capaz de semelhante aleivosia.

Não se sabe a que próposito – embora se possa imaginar que sejam coisas ligadas ao ocultismo – desconhecidos têm estado a profanar campas num certo cemitério comunitário de Cotocuane, bairro de Namutequeliua, cidade de Nampula. Aparentemente, fazem-no para a retirada de partes metálicas dos caixões e posterior venda no mercado do ferro velho.

Familiares dos mortos sepultados naquele local estão preocupados com a situação e fazem figas para que os tais carniceiros não visitem os seus entes queridos. Receiam que os tais esbirros sejam movidos a mando de gente que garante operar milagres caso lhes tragam objectos ou mesmo partes dos falecidos.

A coisa voltou a ganhar contornos alarmantes depois da caça aos que vivem com albinismo. Recentemente, uns tantos malandros foram apanhados com restos humanos. Afiançaram que a ideia era vendê-los a um “endinheirado” que queria usá-los nas suas “macumbas” para ganhar mais dinheiro ….

Bula-bula acha que se assuntos desse jaez forem aligeirados poderemos voltar a ter uma escalada sem precedentes de busca ao tesouro via restos mortais. Há que pôr mão dura na cena… os mortos merecem respeito!

Artigos Relacionados

Veja Também
Fechar
Botão Voltar ao Topo