Artes & LetrasDestaque

Jorge Oliveira retrata infelicidades em livro

“Quando os dias correm mal aos astros” é o título da mais recente obra do escritor moçambicano Jorge Oliveira, que será lançada no próximo dia 26 de Maio, no Instituto Camões, em Maputo.

O livro de contos será mais um título para a montra da literatura moçambicana, que espera ajude a diversificar os estilos, os nomes e os conteúdos do que se tem escrito no país. “Se o livro der um momento de prazer ou despertar, nos leitores, vontade de pensar e discutir o nosso dia-a-dia, fico satisfeito, porque é da discussão que nasce a luz, é por via da reflexão que poderemos alcançar a prosperidade com a qual tanto sonhamos”.

A obra sai sob a chancela da Alcance Editores e pode-se ler na contra-capa que estes contos narram a vida de um povo em constante sofrimento, incapaz de ultrapassar as vicissitudes e coagido por um poder que de uma ou de outra forma impõe a sua ordem, impedindo o progresso e o bem-estar. “É um livro triste, tal como tem sido o estilo de um autor que mostra o lado mais cruel da vida e denuncia as dificuldades pelas quais passa toda uma geração, com crianças violentadas pela falta de educação, o conflito cultural, a corrupção e outras mazelas como a viciação política ou o desprezo pela honestidade/profissionalismo”, explica Jorge Oliveira.

Com uma prosa de estilo diferente, a riqueza e profundidade da ficção presentes na obra fazem desta um espelho fiel do impacto que o sangue, a prepotência, a ganância, a incompetência e a irresponsabilidade têm na vida das gentes e respectivas comunidades. “Sendo narrativa de uma infelicidade generalizada, o livro retrata de forma frontal e realista o luto que é viver no lado mais sombrio da pobreza”. Leia mais…

Artigos Relacionados

Botão Voltar ao Topo