Ouvir gritos de socorro no bairro de Bunhiça, município da Matola, passou a ser uma canção. A cada semana, pelo menos duas residências são invadidas por bandidos, que surripiam desde sabão em pó até electrodomésticos de ponta, como plasmas (televisores). Dentre vários testemunhos colhidos pelo domingo dois chamam atenção: “rouba-se muito à luz do dia”.

Relato de uma moradora dá conta do registo de um assalto cinematográfico, ocorrido há poucos meses. Os bandidos chegaram a meio do dia. “Eu estava sentada, debaixo de uma sombra conferenciando com as minhas comadres. Vimos uma viatura de turismo a passar por nós e depois estacionar em frente a uma residência contígua à minha. A dado momento, percebemos que haviam se introduzido no seu interior. Pensamos que fossem familiares da casa vizinha”.

O que mal se sabia é que se tratava de ladrões que procediam a uma verdadeira limpeza. Roubaram objectos de elevado valor, electrodomésticos de alta definição, entre outros artigos. Após o crime retiraram a viatura do quintal e, ao passarem novamente pelo grupo de senhoras que colocava a conversa em dia, acenaram sem nenhum remorso, como forma de despedida. “Eram jovens com uma boa aparência, simpáticos”, revelou a cidadã residente há aproximadamente uma década no bairro, que não quis ser identificada.

Texto de Carol Banze
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 58,39 59,56
ZAR 3,97 4,01
EUR 66,59 67,93

19.08.201Banco de Moçambique