Nada de brigadas de trânsito fantasmas

O vice-comandante geral da Polícia da República de Moçambique, Timóteo Bernardo, não podia ter sido mais contundente, semana finda, durante o lançamento da Operação Kurhula (paz). E passo a citar: “Nesta quadra festiva não queremos ver brigadas da Polícia de Trânsito fantasmas fazendo road-blocks no trajecto fronteira de Ressano Garcia/Cidade de Maputo. Como não queremos os nossos agentes escondidos entre as árvores. Actos de corrupção não serão tolerados. Estarão sob permanente vigilância”.

Como se pode depreender, o aviso à navegação é válido para todo o país. Pessoalmente gostei do conselho porque não se utilizou a famosa frase… “tolerância zero”. Admito que é uma expressão linda mas o tempo se encarregou de carcomê-la. 

André Matola

matolinha@gmail.com

 

Editorial

Carreiras dos professores primários e secundários
domingo, 07 janeiro 2018, 00:00
Decididamente, 2018 poderá ser ano memorável para os professores dos ensinos primário e secundário, com a introdução, em breve, de carreiras profissionais, medida... Leia Mais

Versão-Impressa


Opinião

Desporto

Nacional

Breves

Sociedade

Reportagem

Cultura

Em foco

Temos 305 visitantes em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

Bento Baloi Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador