Partiram as molas do edil Amurane

A ciência continua a registar avanços e o mais recente foi mesmo a descoberta do último(?) órgão no corpo humano, o tal de mesentério que está a animar os debates no mundo da anatomia. Lá no Norte do país, justamente na capital, a discussão, por todos os cantos, é à volta das molas do edil Mahamudo Amurane, que se diz partidas por maus-tratos de quem foi confiada a missão de cuidar delas, reduzindo, por conseguinte, as habilidades do autarca para subir alturas ou amortecer dores frequentes por estes dias.

Versão-Impressa


Editorial

Levar a sério a agricultura
domingo, 08 janeiro 2017, 00:00
No dia 24 de Julho de 2012, o Conselho de Ministros aprovou, em sessão ordinária, o Programa Nacional de Mecanização Agrária (PNMA), cuja base de... Leia Mais

Opinião

Desporto

Nacional

Breves

Sociedade

Reportagem

Cultura

Pub

Em foco

Temos 277 visitantes em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

António Matonse Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador