Governo aperta na vigilância do ensino superior e exige mais qualidade. Retirou alvarás a algumas universidades e fechou delegações. Vinte e oito unidades orgânicas foram atingidas pela medida e notificadas que este ano devem encerrar e não receber novos estudantes. É o ponto final das universidades improvisadas em

De acordo com o Decreto n.º 46/2018 nenhuma unidade de oferta de cursos deve funcionar sem alvará. Universidades sem alvará não podem matricular alunos em 2019

apartamentos e garagens no rescaldo de um programa de inspecções iniciadas em 2017 para cancelamento, emissão ou renovação de alvarás a várias instituições do ensino superior.

Deste modo, o Ministério da Ciência, Tecnologia, Ensino Superior e Técnico-Profissional apela aos pais e encarregados de educação a exigirem, desde já, alvarás às universidades antes de qualquer acto de inscrição de estudantes.

Texto: Bento Venâncio

This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. 

Leia mais...

Pub

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 59,96 61,15
ZAR 4,17 4,25
EUR 68,7 70,06

19.10.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 173 visitante(s) ligado(s) ao Jornal