Um golaço de Jorge para ver e rever aos 71 minutos permitiu ao Maxaquene derrotar ontem o Clube do Chibuto, em desafio disputado no Campo do Afrin, na Matola, inserido na quinta jornada do Moçambola.

O tento dos “tricolores” surgiu como corolário do domínio do conjunto agora treinado por Amide Tarmamade, numa altura em que já jogava em superioridade numérica, depois da expulsão de Nhabanga no arranque da etapa complementar, após travar Xirasse quando corria isolado para a baliza adversária.

O jogo terminou com as duas equipas perto de alterar o marcador, tendo sido o Maxaquene a formação que construiu as oportunidades mais flagrantes para dilatar o marcador. A atitude de ambas as equipas na segunda parte coloriu o espectáculo, depois de nos primeiros 45 minutos ter havido equilíbrio, com ligeiro ascendente da

turma anfitriã. O Maxaquene passa a somar sete pontos, contra quatro do Chibuto.

Sexta-feira, o Ferroviário de Maputo foi ao Estádio Nacional do Zimpeto derrotar o

Desportivo, também por 1-0.

FICHA TÉCNICA:

MAXAQUENE: PD 206 Jonas, PD 214 Bernardo, PD 207

Domingos, PD 213 Campira, PD 208 Danilo, PD 220 Victor II, PD 219

Candinho, PD 223 Talapa (PD 217 Xirasse 45 min.), PD 218 Fachy (PD 211 Jorge 34 min.), PD 227 João (PD 226 Mutong 67 min.) e PD 230 Djay.

CHIBUTO: PD 319 Mahite, PD 326 Marito, PD 325 Nhabanga, PD 324 Luís, PD

323 Kikito (PD 327 Vanny 78 min.), PD 335 Limão, PD Danito (PD 343 Mauro 72

Min.), PD 332 Stam (PD 342 Estevão 61 min.), PD 337 Yannik, PD 341 Heldinho e

Messi.

Leia mais...

Câmbio

Moeda Compra Venda
USD 63,6 64,83
ZAR 4,56 4,65
EUR 71,57 72,96

11.04.201Banco de Moçambique

Quem está Online?

Temos 279 visitante(s) ligado(s) ao Jornal

+ lidas