RÁDIO MOÇAMBIQUE: A casa da história nacional

Texto de Maria de lurdes Cossa
malu.cossa@snoticicas.co.mz
A Rádio Moçambique (RM) é detentora de um dos maiores acervos das diferentes fases da história do país - antes e depois da Independência Nacional. Guarda a primeira emissão de rádio difusão em Moçambiquecolocada no ar a 18 de Março de 1933. Conserva os diversos discursos de todos os presidentes moçambicanos, os programas diários, os mais importantes em particular, para além de grande parte da música. Enfim, é a casa da história nacional.

A emissora vem desde o tempo colonial e tem contado e retratado, com mais afinco, a história moçambicana desde que o Governo a nacionalizou.

Durante muito tempo, a RM assumiu a missão de transmitir, em primeira mão, toda informação daqui e não só. Tudo isto é conservado “a sete chaves” e com muita paciência.

O cuidado com os materiais desde os mais antigos até aos mais recentes chamou a atenção do domingo que decidiu visitar a RM, muito particularmente os seus arquivos.

O sistema de arquivação é feito de duas formas. Os áudios, discos, fitas magnéticas, bobines são conservados numa sala designada discoteca. Por sua vez, os documentos, livros, revistas, jornais são acondicionados no Centro de Documentação da Rádio Moçambique, uma espécie de biblioteca.

Leia mais...

Editorial

Assim também não!
domingo, 22 abril 2018, 00:00
Começa a ser preocupante a maneira como gente estranha ao sector da Saúde, vezes sem conta, passeia-se à vontade, nas nossas unidades sanitárias; sobretudo quando estas... Leia Mais

Versão-Impressa


Opinião

Desporto

Nacional

Breves

Sociedade

Reportagem

Cultura

Em foco

Temos 477 visitantes em linha

Banca de Jornais

Sociedade do Noticias
  • EconomiaEconomia
  • CulturaCultura
  • DomingoDomingo
  • DesafioDesafio
  • NotíciasNoticias

Conselho de Administração

Bento Baloi Presidente

Rogério Sitoe Administrador

Cezerilo Matuce Administrador